Cambará do Sul/Parque Nacional de Aparados da Serra – Rio Grande do Sul

A principal atração de Cambará do Sul é o Parque Nacional de Aparados da Serra que faz fronteira entre Rio Grande do Sul e Santa Catarina e abriga alguns dos principais cânions do Brasil, o Cânion Itaimbezinho e o Cânion Fortaleza.

Cânion Itaimbezinho

Cânion Itaimbezinho

Chegamos a cidade no fim da tarde, e ao anoitecer, pela primeira vez na viagem, tivemos que revirar as mochilas em busca de casacos. No dia seguinte um comerciante falou que a sensação térmica chegou a quase zero grau. Temperatura bem adversa das que tínhamos enfrentado até agora.

Como nossa passagem por Cambará do Sul ia ser breve resolvemos visitar apenas o Cânion Itaimbezinho, por ser o mais “famoso” deles.

Cânion Itaimbezinho

Cânion Itaimbezinho

O cânion Itaimbezinho fica à 18km do centro de Cambara do Sul por uma estrada de chão, é o único que tem infraestrutura para o turista, como restaurante, informações turísticas, banheiros, maquetes das trilhas e trilhas bem sinalizadas.

Este cânion é um dos maiores do Brasil, sua altura chega a 700 metros, a extensão a 5,8 km e a largura varia de 200 a 600 metros. Ele têm duas trilhas que podem ser feitas a partir da sede do parque, a Trilha do Vértice e a Trilha do Cotovelo e ambas são fáceis e rápidas de fazer. A terceira trilha, do Rio do Boi, é uma caminhada mais longa pelo interior dos cânions que exige maior esforço físico e só é possível fazer ela com guias.

Cânion Itaimbezinho

Cânion Itaimbezinho

Fizemos primeiro a Trilha do Vértice, a mais curta, com 1,4km de extensão. No primeiro mirante da trilha já é possível visualizar a Cascata das Andorinhas com uma queda de 300 metros. Mais a frente é possível ver a Cascata Véu da Noiva, com uma queda de 500 metros. E no último mirante, em forma de vértice que da o nome à trilha, pode-se visualizar ambas as cascatas.

Cascata das Andorinhas

Cascata das Andorinhas

Voltamos para o ponto inicial e nos dirigimos para a segunda trilha, do Cotovelo, com 6,3 km. Grande parte da trilha é feita por uma estrada antiga do parque e a parte final dela é feita pela borda do cânion. Já no primeiro mirante, é possível ver grande parte da extensão do Itaimbezinho, o Rio do Boi embaixo e a Cascata Seu Marçal.

Cânion Itaimbezinho

Cânion Itaimbezinho

Chegamos ao parque por volta das 8:30 hrs da manhã e saímos de lá ao meio dia. Ambas as trilhas são tranquilas de fazer, recomendo ir com um boné ou chapéu, levar protetor solar, já que não há muita sombra pelo caminho e água, muita água, principalmente na Trilha do Cotovelo que é a mais longa.

Terminado o passeio, seguimos em direção ao nosso último destino no Rio Grande do Sul, a cidade de Tores no litoral Gaúcho.

Para mais informações sobre os parques

Casa do Turista (informações turísticas)
Telefone: (54) 3251 1320

Secretaria Municipal de Turismo
Telefone: (54) 3251 1557
Email: turismocambara@tca.com.br

Confira as Fotos de Aparados da Serra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *