Como andar de metrô em Londres e Oystercard


Uma das primeiras dúvidas antes de ir pra Londres foi a de como iria me locomover pela cidade. Depois de muita pesquisa e sentir na pratica como funciona, vou passar a minha experiência aqui.

A primeira dica é que não é preciso se preocupar muito, principalmente se for de metrô, pois ele é muito fácil de entender. Há diversas placas com informações espalhadas pelos corredores a fim de auxiliar os usuários. Além disso, há bastante funcionários nas estações e basta perguntar que eles vão te ajudar a achar a solução.

Metrô de Londres

Metrô de Londres

O metro londrino é o mais antigo do mundo e possui uma das maiores malhas ferroviárias per capita, e ele ainda é referência para outros países que também utilizam o metro como meio de transporte.

Pra quem busca economizar, o metro e ônibus são as melhores opções, mesmo em horários de pico, está longe de se comparar com o caos da linha vermelha do metro de São Paulo, por exemplo.

Como funciona o metro de Londres

O metro de Londres é dividido por áreas, de 1 a 9, sendo a zona 1 a central e a 9 a mais afastada. Isso é importante saber pois a forma de cobrança é pela região utilizada. Por exemplo, o valor da passagem é menor se utilizar somente dentro de determinada zona, como a zona 1, mas aumenta de valor se o passageiro entrar em uma estação na zona 1 e sair na zona 3.

O mapa abaixo ilustra as zonas do metro (clique na imagem para aumentar):

Mapa do metro de Londres

Mapa do metro de Londres [Fonte: gov.uk]

As regiões ímpares estão na cor branca e as pares na cor cinza.

Outro detalhe do valor da passagem é o horário, se usar o transporte em horário de pico (peak) ela é mais cara que nos outros horários (Off Peak):

  • Peak: o horário de pico são consideradas as viagens feitas de segunda à sexta entre 16:00 e 9:29 da manhã.
  • Off-Peak: de segunda à sexta entre 9h30 às 15h59, aos sábados domingos e feriados durante todo o dia.

Ah, vale lembrar que a maioria das atrações turísticas de Londres estão nas zonas 1 e 2 e o Aeroporto de Heathrow fica na zona 6.

Como utilizar o metro

São três as formas de utilizar o metro. O primeiro é comprar um bilhete único de um ponto até outro. Dessa forma o metro só pode ser utilizado uma única vez. Essa opção é válida apenas no caso de se utilizar o transporte público uma ou duas vezes, já que esse é o método mais caro.

A segunda opção é adquirir o Travelcard, porém tem que comprar para 1 ou 7 dias, mensal ou anual, além de ter que escolher em quais zonas ele será utilizado, por exemplo, 1 e 2. Nessa modalidade dá pra utilizar o metro e ônibus quantas vezes quiser durante o período escolhido.

A terceira opção e que achei a mais interessante é comprar o Oystercard, que funciona como um cartão pré pago. É possível inserir até 90 libras e conforme utiliza o metro o valor da passagem é debitado do cartão. Mas, o melhor é que há limites diários de débito, por exemplo, se utilizar o transporte nas zonas 1 e 2 por 7 vezes no mesmo dia (7 x 2,40) deveria ser debitado 16,8 libras, porém existe um valor teto diário de 6,60 libras para estas zonas, independente da quantidade de utilizações.

Porém, se for utilizar em outras zonas além da 1 e 2, o teto aumenta um pouco.

Como comprar o cartão Oystercard

O cartão Oystercard custa 5 libras (04/2017) e pode ser comprado em qualquer estação de metro, inclusive na estação do aeroporto de Heathrow. O processo é bem simples e intuitivo, basta ir até alguma máquina que vende o cartão, escolher a forma de carga (pay-as-you-go – pré pago ou travelcard), inserir créditos e pagar com moedas, notas ou cartão de crédito.

Cartão Oystercard

Cartão Oystercard [Fonte: customerservicehelpline.co.uk]

Dica 1: o cartão só aceita valores múltiplos de 5 libras.

Dica 2: é possível comprar o Oystercard e inserir créditos na forma travelcard, para utilizar o transporte por 1 ou 7 dias, por mês ou ano.

Como usar o cartão Oystercard

O processo pra utilizar ele é bastante simples, basta encostar o cartão no circulo amarelo da catraca que ela se abre. Nem é necessário tirar ele da carteira. Porém no metro é preciso repetir esse processo na hora da saída, pois é nesse momento que o valor da passagem é debitado do cartão.

Como usar o Oystercard

Como usar o Oystercard [Fonte: which.co.uk]

Para mais informações sobre o transporte publico de Londres é só acessar o site https://tfl.gov.uk/. Nele também é possível simular a sua vigem.


Um Comentário para “Como andar de metrô em Londres e Oystercard”

  1. AlexsUK disse:

    parabéns pelas ótimas dicas. Me ajudou muito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *