Plano de celular e internet na Inglaterra, Irlanda e Escócia


Apesar da grande oferta de hotspots gratuitos espalhados pelas principais cidades do Reino Unido (Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte), não se iluda, eles não costumam funcionar tão bem assim. Muitas vezes a conexão é lenta ou nem funciona, e o usuário corre o risco de ficar na mão em momentos que precisa de uma conexão com a internet. A fim de diminuir as chances de passar por algum aperto e evitar o alto custo do roaming internacional das operadoras brasileiras, a melhor forma é comprar um chip pré-pago de alguma operadora local.

No Reino Unido tem diversas operadoras de telefonia móvel e é bem provável que todas ofereçam planos de dados e voz pré pago (pay as you go).

SIM Card

SIM Card [Fonte: filesaveas.com]

Adquirir um chip, ou SIM Card, como é chamado lá é simples. Em aeroportos, estações de trem, metro como no centro das cidades, ele pode ser comprado em balcões de lojas especializadas e em máquinas, similares as que vendem refrigerante, chocolates etc, sem a necessidade de realizar cadastro.

Máquina que vende SIM Card

Máquina que vende SIM Card [Fonte: uktravelpal.com]

Loja SIM Local no Aeroporto de Heathrow

Loja SIM Local no Aeroporto de Heathrow [Fonte: uktravelpal.com]

No aeroporto de Heathrow, onde desembarquei, há uma loja da SIM Local (www.simlocal.com), que vende telefones e planos. Expliquei minha necessidade e a atendente me ofereceu duas opções da operadora Three (www.three.co.uk). Escolhi o plano que favorecia o uso da 4G ao invés de ligações e que pudesse ser utilizado em toda a Europa, já que um de meus destinos era a Irlanda, e a Three tem um plano com internet ilimitada por 30 dias, perfeito pra mim, que fiquei 23 dias por lá.

Após ter escolhido o plano e pago, a própria vendedora instalou e configurou o chip no meu celular, e já sai de lá com ele funcionando.

Pay as you go da Three

Pay as you go da Three [Fonte: myfunfoodiary.com]

Na Inglaterra, País de Gales e nas duas Irlandas não tive problema algum de conexão, foram raros e rápidos os momentos que não tinham sinal 3G ou 4G, e isso só aconteceu em algumas cidades bastante remotas. Porém na Escócia não posso dizer o mesmo, em algumas cidades turísticas, porém não tão badaladas como Edimburgo, o sinal costumava ser fraco, e as vezes nenhum. Não sei dizer se o problema é da operadora, ou se na Escócia o sinal não é tão bom quanto nos outros países. Porém, mesmo com alguns momentos sem sinal, não foi problema pra continuar com a viagem.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *